19 | 09 | 2014

Estudo sobre horário de linhas de ônibus é proposto

John Lenon se reuniu com moradores para discutir problemas no transporte intermunicipal

Um estudo sobre o horário de linhas de ônibus foi a solução encontrada para resolver os problemas enfrentados no transporte público pelos munícipes. O estudo foi proposto durante reunião feita com uma comissão de moradores de vários bairros e o vereador Cleuzer Marques de Lima, o John Lenon (PT). O encontro aconteceu na manhã desta quarta-feira (27 de fevereiro), na Câmara Municipal de Hortolândia.

O objetivo do encontro foi discutir os problemas que têm se tornado constantes nas linhas 697 e 698 da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), que têm partida do Terminal Metropolitano de Hortolândia, e parada final no Terminal Metropolitano Prefeito Magalhães Teixeira, em Campinas. As linhas atendem aos bairros: Jardim Campos Verdes, Jardim Santa Clara, Jardim São Sebastião, Jardim São Miguel, Jardim Interlagos e Residencial Maria de Lourdes. De acordo com a representante da Comissão, Mirian Raquel Teodoro de Souza, os moradores destes bairros que necessitam utilizar as linhas têm enfrentando muitos contratempos, principalmente por conta de atrasos nos horários. Ela relatou que a o itinerário é extenso, e por conta disso, os ônibus demoram demais para atender a demanda da população que precisa se deslocar até Campinas e vice-versa.

“Estamos solicitando que os horários sejam cumpridos em ambos os sentidos – Hortolândia/Campinas e Campinas/Hortolândia -, especificamente aos finais de semana, que é quando os atrasos chegam a ser de meia hora, 40 minutos. Além disso, pedimos que sejam colocados ônibus de 15 em 15 minutos durante a semana, porque existe superlotação, principalmente nos horários de pico”, declarou a representante. Outros problemas foram apresentados pelos moradores, como a falta de fiscalização com relação aos horários da linha que atende esses bairros e a identificação da linha, que em muitas vezes é ilegível, principalmente para pessoas idosas.

“É necessário que haja maior fiscalização por parte da EMTU, que é a responsável pelo transporte intermunicipal. Não há fiscalização quanto aos horários e se tem é muito pouco. Vamos cobrar para que seja feita a fiscalização não somente com relação aos horários, mas também para o cumprimento do itinerário correto, para que todos os bairros sejam atendidos e os moradores não sejam prejudicados. Por ser um usuário do transporte público sei das dificuldades enfrentadas pela população tanto no transporte intermunicipal, quanto no municipal. São problemas que precisam ser resolvidos com urgência”, afirmou o vereador John Lenon, que também é usuário da linha 698.

Ao final da reunião, o vereador se comprometeu que encaminhará um ofício agendando uma reunião entre o parlamentar, a EMTU e a Comissão, onde todos os problemas apresentados serão discutidos, buscando uma solução em conjunto.

Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Hortolândia

Redes Sociais